Posts

Mudança para Adelaide: saúde e vida nova na Austrália

A revista The Economist classificou Adelaide como uma das melhores cidades australianas para viver numa pesquisa divulgada em 2017. Entre 140 cidades pelo mundo, ela ficou em 6º lugar no ranking mundial. Com um total de 1.203.873 habitantes, Adelaide é capital de um dos 6 estados da Austrália e está situada ao sul do país, em região litorânea.

Toda a cidade é plana e arejada pelos ventos vindos do oceano. Do lado oposto do mar, ao norte, fica Mount Lofty, uma região montanhosa que separa Adelaide da vegetação desértica. O clima da região é mediterrâneo, sendo frio e úmido durante o inverno, e seco e ameno durante o verão. Julho é o mês com maior precipitação de chuvas e as temperaturas mais altas (até 29°C) ficam entre dezembro e março.

O setor artístico de Adelaide tem se desenvolvido desde 1960. Por isso mesmo, a cidade movimenta multidões em festivais de várias naturezas: música, teatro, gastronomia, arte, dança e cinema. Ainda assim, não são as indústrias do entretenimento e do turismo que têm mais força na economia local.

Sobre qualidade de vida

Saúde e assistência social são os nichos que mais concentram mão-de-obra especializada em Adelaide, representando cerca de 13% dos empregos criados anualmente. Além dessas áreas, também se destacam a indústria automobilística e a produção vinícola em Adelaide Hills, no oeste da cidade.

O transporte público na cidade é todo integrado através do projeto Adelaide Metro. Nele, ônibus, bondes e trens otimizam a locomoção pela cidade e região metropolitana. Ciclovias e ciclofaixas também estão instaladas nas vias, tornando acessível várias opções de mobilidade. E vale salientar ainda que ciclistas em Adelaide são obrigados por lei a usar capacetes!

Faça sua cotação para realizar sua mudança para Adelaide através de empresas como IMT – International Moving & Transportation, Decapack e Crown Relocations. Adelaide tem uma das melhores qualidades de vida da Austrália e pode ser o seu local ideal para viver.

 

Falkner Moreira
Produção de Conteúdo

Mudança para Montreal: melhor custo-benefício no Canadá

O que você espera do local onde sempre sonhou em morar? Muitos optam por países da Europa e esquecem do alto custo de vida, ou pelos Estados Unidos, ignorando a altíssima concorrência no mercado profissional. Por isso que está na hora de você atentar a outro local tão bom ou até melhor: o Canadá.

Montreal, por exemplo, é uma cidade bilíngue onde se fala inglês e francês. É a maior cidade de Quebec e a segunda mais populosa de todo o País, com 1.704.694 habitantes. Até 1970 foi a cidade economicamente mais importante do Canadá, mas prossegue como uma das líderes nas áreas de finanças, tecnologia aeroespacial, indústria farmacêutica e desenvolvimento de jogos.

Esta também é a cidade com maior concentração estudantil de toda América do Norte, tendo sido classificada pela revista Economist em 2017 como a melhor do mundo para universitários. Isso se deve por Montreal conter 4 universidades altamente reconhecidas na América do Norte.

Em Montreal fica o maior porto fluvial do mundo. Por estar em uma ilha, a região é beneficiada com 15 quilômetros do Rio São Lourenço, por onde passam mais de 26 milhões de toneladas de cargas todo ano. O Aeroporto Internacional Pierre Elliot Trudeau e o Aeroporto Internacional Montréal-Mirabel, ambos localizados em cidades vizinhas, atendem às necessidades de Montreal.

Em relação a Toronto, capital canadense, Montreal tem um custo de vida mais em conta. Estima-se que Montreal tenha o valor de aluguéis 37% mais baratos e produtos em geral e da cesta básica tenham preços entre 6% e 10% mais baixos. Carnes, frutas, legumes, ovo, pão e leite, por exemplo, são produtos que não são taxados.

Tendo em vista todas essas qualidades de Montreal, faça sua cotação para realizar mudança internacional com empresas como Kent Removals & Storage Santhiago Mudanças e Logística e IMT – International Moving & Transportation. Busque sempre empresas responsáveis e qualificadas que farão o melhor serviço para você.

Falkner Moreira
Produção de Conteúdo

Mudança para São Paulo: o mundo em uma única cidade

Quem vê São Paulo hoje não imagina que esta cidade passou dois séculos envolta em pobreza e esquecimento na época em que o Brasil ainda era colônia de Portugal. Durante o século XX, São Paulo recebeu pessoas do Nordeste brasileiro, além de imigrantes italianos, portugueses, libaneses, árabes e japoneses. Seu crescimento foi tanto que, hoje, é o centro econômico de toda a América Latina.

Sozinha, São Paulo tem o maior Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, sendo a décima maior economia do mundo com um PIB relativo a US$ 388 bilhões. Por isso mesmo que uma das principais formas de turismo na região é o turismo de negócios, com alta representatividade para eventos e conferências internacionais nas áreas de empreendimento, automobilismo, cultura e moda.

O caráter multicultural de São Paulo é evidenciado quando olhamos para as artes e as expressões religiosas da cidade. Ela é retratada em livros de autores como Lygia Fagundes Telles, Ignácio de Loyola Brandão e Marcos Rey, e em músicas de Caetano Veloso, Tom Zé, Adoniran Barbosa e Rita Lee. De acordo com o censo do IBGE de 2010, São Paulo integra maioria de adeptos da Igreja Católica Apostólica Romana, mas também possui adeptos expressivos entre espíritas, budistas, umbandistas, judeus, mórmons e islâmicos.

Na cidade, o transporte é bem equipado em mobilidade urbana, com opções que vão do mais simples, como ônibus e metrô, até o mais complexo, como o táxi aéreo, sendo a cidade com maior frota de helicópteros do mundo. A cidade possui três aeroportos, com maior fluxo de pessoas nos aeroportos de Congonhas e o Internacional de Guarulhos.

Você tem interesse em morar nesta cidade que concentra um pouco do mundo? Informe-se com a empresa certa para realizar a sua mudança nacional ou internacional para São Paulo. Granero Moving, Transworld Brazil, Cosmopolitan e IMT – International Moving & Transportation são alguns exemplos. A IMT possui escritório em São Paulo e também está presente nos Estados Unidos.

Falkner Moreira
Produção de Conteúdo

Mudança para Key Biscayne: natureza, praia e tranquilidade perto de Miami

A menos de 30 minutos de Miami, numa distância de 12 quilômetros, fica Key Biscayne, uma pequena ilha incorporada ao estado americano da Flórida. Com uma população estimada em 13 mil habitantes distribuídos em 3.230 km², Key Biscayne é o lar de quem aprecia o verde da natureza e o contato direto com areia e mar.

Rickenbacker Causeway conecta Miami à ilha, uma ponte suspensa que torna o deslocamento prazeroso pela vista paradisíaca. Bill Baggs é o parque natural da região que conta com uma das praias mais famosas da cidade. A localização é recomendada para realização de mergulhos por conta da água cristalina. O farol Cape Florida Lighthouse, construído em 1825, é uma das construções mais antigas ao sul de Miami.

Crandon Park é outra área natural de Key Biscayne. Repleta de mangues, é comum encontrar tartarugas marinhas, caranguejos e estrelas-do-mar. Crandon Park conta ainda com quadras de tênis, onde acontece o Miami Open Tennis Tournament, um dos maiores torneios de golfe do mundo. Na praia de Crandon Park ocorre também uma grande variedade de esportes aquáticos.

Key Biscayne se atribui de um clima tropical. O verão na cidade é quente e com forte precipitação chuvosa, e o inverno é seco e suaviza as temperaturas. De junho a setembro, as chuvas são mais intensas. As temperaturas máximas chegam a uma média de 28°C e as mínimas vão até 21°C.

Nos últimos 10 anos, a especulação imobiliária tem progredido em Key Biscayne com a devida atenção para áreas naturais. Se o seu interesse é viver com tranquilidade, numa cidade pequena que valoriza simplicidade e contato com o verde, comece a pesquisar quem pode ajudar você na sua mudança.

Solicite informações de empresas como GInter, Antares – Mudanças & Transportes, Metropolitan Transports e IMT – International Moving & Transportation. Esta última, a IMT, possui escritórios no Brasil (São Paulo, Rio de Janeiro e Fortaleza) e nos Estados Unidos (Miami e Nova Iorque).

Falkner Moreira
Produção de Conteúdo

Mudança para Miami: um lugar multicultural

A beleza das praias de Miami, o clima tropical e a riqueza de experiências chamam atenção de viajantes e pessoas que desejam iniciar a vida em outro país. Na cidade convivem não só cidadãos americanos, mas também pessoas de origem latina e até brasileira. São cerca de 250 mil brasileiros vivendo na Flórida, a maioria em Miami.

Os maiores atrativos turísticos, além dos 24 quilômetros de praia, são a forte presença artística mundial na região, assim como a alta diversidade no circuito gastronômico. Não é por acaso que o Art Basel, o maior evento de arte contemporânea do mundo, tem sua edição americana em Miami.

Miami é conhecida por vender produtos sob valores mais acessíveis que no Brasil e, dessa forma, o varejo local se beneficia bastante das vendas para turistas. A proximidade com a América Latina torna Miami uma cidade-alvo para a instalação de empresas e escritórios multinacionais. Atualmente, somam-se mais de 1400 empresas de mercado internacional instaladas na cidade.

O Porto de Miami é um dos mais movimentados do mundo. É neste porto que, anualmente, os cruzeiros marítimos desembarcam cerca de 3 milhões de passageiros para estadia em Miami. O equipamento também é utilizado para comércio, com exportações ocorrendo a todo momento para a China e importações chegando de Honduras e do Brasil.

O clima tropical de Miami, também bastante semelhante a boa parte do Brasil, se caracteriza por ser um clima tropical de monção. De maio a outubro a cidade é mais quente e tem precipitações de chuvas mais intensas de até 250mm, com temperaturas que variam entre 16°C e 32°C. De novembro a abril as temperaturas caem e a precipitação de chuvas também.

Se Miami é a cidade onde você quer morar e levar uma vida diferenciada, solicite informações sobre mudança internacional com a IMT – International Moving & Transportation e solicite serviços que se encaixam na sua necessidade.

 

Falkner Moreira
Produção de Conteúdo

Setor imobiliário reage positivamente no Rio de Janeiro e no Maranhão

A Baixada Fluminense, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, disparou no setor imobiliário em comparação com o primeiro semestre de 2017. O levantamento Cenário do Mercado Imobiliário da Baixada Fluminense 2017, realizado pelo Secovi nos municípios da região da Baixada (Belford Roxo, Duque de Caxias, Nilópolis e Nova Iguaçu), mostrou que apartamentos na Baixada Fluminense aumentaram os valores do metro quadrado em 10%, enquanto na cidade do Rio de Janeiro o valor caiu em 6%.

Em relação às casas, a Baixada Fluminense também se destaca: um crescimento de mais de por 10% por metro quadrado, contra a queda de 5% no Rio de Janeiro. Especialistas apontam que, na Baixada Fluminense, a maior demanda é para casas em condomínio fechado, nicho que carece de opções por parte de imobiliárias e construtoras. Ainda assim, a Baixada Fluminense tem sido a principal opção para quem deseja alcançar o sonho da casa própria na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

Crescimento no Maranhão

Imperatriz é a segunda maior cidade do Maranhão. A cidade que se localiza na margem direita do rio Tocantins tem ganhado a atenção do setor imobiliário maranhense. De maneira súbita, a cidade tem evoluído com instalação de empreendimentos e residências, numa previsão otimista de que o nicho de mercado está favorável para o investimento imobiliário a partir do crescimento ainda tímido de janeiro a julho de 2017.

De olho nas oportunidades, o Grupo Canopus, presente no Ceará e no Maranhão, lançou a faixa 1,5 do programa Minha Casa, Minha Vida em alguns de seus empreendimentos em Imperatriz. A modalidade 1,5 tem juros mais baixos e maior subsídio do governo federal, podendo atender a famílias que desejem investir na casa própria tendo em mãos uma renda mais limitada. O subsídio pode chegar até R$ 31 mil reais com juros de 4,5% ao ano e renda a partir de R$ 1.300,00.

Falkner Moreira
Produção de Conteúdo

Ecoturismo: tendência e oportunidade em turismo alternativo

Uma opção para quem gosta de se aventurar por trilhas e lugares inusitados, tendo contato com elementos culturais e com a natureza, o ecoturismo ou turismo ecológico vem ganhando mais espaço, mais consciência dos gestores municipais e mais adeptos pelo país. Em Quixadá, a 168km de Fortaleza, no Ceará, o ecoturismo se torna bastante evidente: a todo lugar, o viajante presencia atividades recreativas, esportivas e educativas.

O principal atrativo da região são as atividades mais radicais, como o voo livre. De acordo com a Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo de Quixadá, o voo livre pode girar em torno de R$ 1,5 milhão por temporada, e o índice ainda pode ser multiplicado caso o fluxo de pessoas seja intensificado em outros meses do ano.

Na cidade, também são famosas a trilha da Galinha Choca e o passeio ao Lago dos Monólitos, uma unidade de conservação criada para proteger as formações rochosas naturais da região. O Monumento Natural dos Monólitos é instrumento tombado pelo Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

O interior se destaca

Quebrando o fluxo turístico mais recorrente às capitais dos estados, não é só o sertão cearense que ganha evidência. O estado de Minas Gerais ampliou seu mapa turístico, passando de 279 municípios no ano de 2016 para 555 cidades com potencial turístico em 2017. O turismo dessas regiões também abrigam o agroturismo, ou o turismo rural, mais voltado para pessoas que buscam tranquilidade em regiões serranas e demais áreas de baixo fluxo de pessoas.

Entre as cidades com maior relevância turística no estado de Minas estão Divinópolis, Pará de Minas e Formiga. A Trilha dos Bandeirantes é uma das principais rotas turísticas de Divinópolis, estando inclusa no Circuito Turístico Verde que reúne 9 municípios. Pará de Minas e Formiga integram o Circuito Turístico de Grutas e Mar de Minas, uma região com lagos, grutas, fazendas centenárias e sítios arqueológicos.

 

Falkner Moreira
Produção de Conteúdo

Procura de imóveis facilitada: conheça o app Moving

Já conhece o aplicativo Moving? Uma oportunidade para vendedores de imóveis e uma facilidade para quem busca um novo lugar para morar, a Moving é um aplicativo que mostra, através de geolocalização, os imóveis que estão disponíveis para aluguel e venda nas proximidades. A plataforma pode ser utilizada em smartphone, tablet ou computador.

Lançado em 2012, o aplicativo se atribui de uma tecnologia registrada pela Moving e terceirizada para outros serviços de imobiliárias e incorporadoras. Hoje, cerca de 900 aplicativos disponíveis nas lojas virtuais utilizam a tecnologia da Moving Imóveis. São cerca de 1 milhão de imóveis registrados na plataforma que aderem às categorias de residência, comércio, galpões industriais e logísticos.

Facilidades

O aplicativo representa praticidade e portabilidade para quem deseja procurar o seu imóvel ideal nas imediações de onde se encontra naquele exato momento. A oferta para algumas localidades é grande, mostrando anúncios de mais de mil imobiliárias, incorporadoras e pessoas físicas, principalmente em capitais como São Paulo, Belo Horizonte e Porto Alegre.

Outra comodidade é se aquela determinada área tem acesso para escolas, comércio e transporte público. Com esse recurso, o usuário pode definir suas prioridades de escolha e avaliar a melhor oferta de acordo com o que está presente na região desejada.

Infelizmente, o software ainda tem algumas limitações. O alcance máximo da cobertura em relação ao ponto de localização do usuário é de no máximo 100 metros. Isso impossibilita, por exemplo, que usuários do Rio de Janeiro busquem imóveis em outras cidades ou mesmo em zonas diferentes da mesma cidade.

Crescimento

A nova sociedade entre Moving e Engebanc, empresa especialista em avaliação de imóveis, permitirá que o aplicativo ganhe melhorias. Uma delas é relacionar o valor do imóvel selecionado com a média de valores da região. Isso facilitará a procura de imóveis a partir da renda que o usuário possui.

 

Falkner Moreira
Produção de Conteúdo

MUDANÇA EM TERESINA

Capital do Piauí, Teresina é uma das cidades com melhor índice de qualidade de vida do Norte e do Nordeste de acordo com o Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal de 2015. Em 2005 chegou a ser considerada a 3ª cidade brasileira com melhor segurança pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada.

Teresina foi se desenvolvendo ao longo dos seus 165 anos principalmente por conta dos rios que servem a cidade: o Rio Parnaíba e o Rio Poti. A economia que um dia havia sido na base da pesca e da agropecuária, hoje tem evidência na indústria têxtil e de confecções, além da cerâmica que se inclui no artesanato local. A construção civil também tem ganhado destaque na capital piauiense, principalmente por conta do aumento populacional na Região Metropolitana e o consequente crescimento vertical da área.

O turismo de Teresina é movimentado tanto pela cultura quanto pela quantidade e qualidade dos eventos locais. A Central de Artesanato Mestre Dezinho é o maior representante da cultura popular da cidade e do estado, onde há feira de artes, lojas e ainda escolas de música e balé. O Corso de Teresina está entre os eventos de maior destaque da região, sendo o maior pré-carnaval brasileiro e foi até consagrado pelo Guinness Book como o maior corso do Brasil e do mundo.

O calor de Teresina também é um fator conhecido nacionalmente. As temperaturas se mantém altas durante quase todo o ano, com temperaturas mínimas que podem atingir até 26°C e máximas de 36,5°C. A maior precipitação de chuvas do ano se concentra entre dezembro e maio, sendo típico do clima tropical semi-úmido que hajam apenas duas estações do ano bem definidas.

 

Alguns dados relevantes para sua mudança

DDD: 086
População: 850.198 habitantes (IBGE/2017)
Fuso horário: UTC-3
Principal aeroporto: Aeroporto Senador Petrônio Portella (Avenida Centenário, s/n – Aeroporto, Teresina, 64006-700)
Receita Federal: Praça Marechal Deodoro, s/n, Centro, CEP: 64000-160. Telefone: (86) 3221.8219 / 3215.8084
Polícia Federal: Av. João XXIII, 4500, Recanto das Palmeiras, CEP: 64045-795. Telefone: (86) 2106-4924

 

Se está pensando em preparar sua mudança internacional ou nacional para Teresina tenha certeza que viverá em um lugar arborizado, chamado de Cidade Verde.

 

Falkner Moreira
Produção de Conteúdo

MUDANÇA EM RECIFE

A capital do Pernambuco se destaca por seus pontos turísticos e por possuir o maior parque tecnológico do Brasil. O município abriga vários museus, centros culturais e instituições voltadas para arte e cultura. É também o terceiro maior pólo gastronômico do Brasil e tem a maior agremiação carnavalesca do mundo, o Galo da Madrugada.

Recife já recebeu títulos de maior avenida em linha reta de toda América Latina, de maior shopping do País… Mas também tem o maior número de consulados fora de Rio-São Paulo, e a maior reserva de mangue em setor urbano de toda América, uma das maiores do mundo. Com o mangue e resquícios de Mata Atlântica, a cidade tem um clima ameno para o Nordeste, tropical-úmido, com temperaturas máximas médias de 29°C e mínimas de 21°C, e chuvas concentradas entre os meses de março e julho.

A arquitetura do centro da cidade carrega uma história desde quando Pernambuco era a maior produtora de açúcar do mundo. O Recife Histórico tem prédios e monumentos que datam dos séculos XVII, XVIII e XIX. Entre as construções mais modernas está o Cinema São Luiz 1952, integrado aos principais festivais de cinema do Brasil, como Cine PE e o Janela Internacional de Cinema do Recife.

Essa imponência vai além da cultura. O Porto do Recife funciona desde quando o Brasil ainda era Colônia de Portugal. Hoje, o porto movimenta 2,2 milhões de toneladas anualmente, além da importância no turismo local por receber cruzeiros marítimos. A economia recifense é uma das mais proeminentes do Nordeste brasileiro, classificada em 2008 pela Mastercard Worldwide como uma das cidades mais desenvolvidas economicamente entre os mercados emergentes.

 

Alguns dados relevantes para sua mudança

DDD: 081
População: 1.633.697 habitantes (IBGE/2017)
Fuso horário: UTC-3
Principal aeroporto: Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes – Gilberto Freyre (Praça Ministro Salgado Filho, s/n – Imbiribeira)
Receita Federal: Av. Alfredo Lisboa, 1152 – CEP: 50030-150. Telefone: (81) 3797-5200
Polícia Federal: Cais do Apolo, 321 – CEP: 56000-000. Telefone: (81) 2137-4000

 

Morar em Recife é uma maravilha e essa possibilidade não está tão distante assim. Realize sua mudança internacional ou nacional para a capital de Pernambuco e faça sua cotação grátis aqui no site!

 

Falkner Moreira
Produção de Conteúdo