Mudança para Miami: um lugar multicultural

A beleza das praias de Miami, o clima tropical e a riqueza de experiências chamam atenção de viajantes e pessoas que desejam iniciar a vida em outro país. Na cidade convivem não só cidadãos americanos, mas também pessoas de origem latina e até brasileira. São cerca de 250 mil brasileiros vivendo na Flórida, a maioria em Miami.

Os maiores atrativos turísticos, além dos 24 quilômetros de praia, são a forte presença artística mundial na região, assim como a alta diversidade no circuito gastronômico. Não é por acaso que o Art Basel, o maior evento de arte contemporânea do mundo, tem sua edição americana em Miami.

Miami é conhecida por vender produtos sob valores mais acessíveis que no Brasil e, dessa forma, o varejo local se beneficia bastante das vendas para turistas. A proximidade com a América Latina torna Miami uma cidade-alvo para a instalação de empresas e escritórios multinacionais. Atualmente, somam-se mais de 1400 empresas de mercado internacional instaladas na cidade.

O Porto de Miami é um dos mais movimentados do mundo. É neste porto que, anualmente, os cruzeiros marítimos desembarcam cerca de 3 milhões de passageiros para estadia em Miami. O equipamento também é utilizado para comércio, com exportações ocorrendo a todo momento para a China e importações chegando de Honduras e do Brasil.

O clima tropical de Miami, também bastante semelhante a boa parte do Brasil, se caracteriza por ser um clima tropical de monção. De maio a outubro a cidade é mais quente e tem precipitações de chuvas mais intensas de até 250mm, com temperaturas que variam entre 16°C e 32°C. De novembro a abril as temperaturas caem e a precipitação de chuvas também.

Se Miami é a cidade onde você quer morar e levar uma vida diferenciada, solicite informações sobre mudança internacional com a IMT – International Moving & Transportation e solicite serviços que se encaixam na sua necessidade.

 

Falkner Moreira
Produção de Conteúdo

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *